DECORAÇÃO: 3 erros que as pessoas cometem ao limpar pisos vinílicos

Acertar na limpeza ajuda a manter o piso com cara de novo por mais tempo

Um dos vários benefícios do piso vinílico é a facilidade de limpeza e conservação, diferencial que o tornou uma das escolhas mais certeiras para projetos residenciais, comerciais e corporativos no Brasil e no mundo.

 

O piso vinílico é prático e rápido de limpar, mas muita gente acaba errando na hora de higienizar esse tipo de revestimento, usando produtos e práticas inadequadas que podem acabar prejudicando a aparência.

 

Líder mundial em vinílicos, a Tarkett selecionou três dos erros de limpeza mais comuns para evitar danos que podem ser permanentes e assim ajudar muitas pessoas a manter o vinílico com cara de novo por muito mais tempo:

 

Usar solventes e derivados de petróleo

Jamais utilize solventes, removedores ou derivados de petróleo na limpeza ou eventual remoção de manchas do piso vinílico. Eles podem danificar a superfície do piso, causando riscos, arranhões e até a eventual corrosão da superfície.

 

O efeito inicial desses produtos é tirar a proteção superficial do piso e provocar a sensação de brilho, o que em um primeiro momento dá a impressão de piso limpo. Porém, a longo prazo, o efeito é de encardimento do produto e dificuldade de limpeza

 

Também não é recomendado usar sabão em pó, pois ele pode desgastar a superfície do piso, além de deixá-la escorregadia e suscetível a acidentes. Prefira sempre o detergente neutro.

 

Para matar vírus e bactérias, você pode utilizar a água sanitária (cloro diluído a 3%) sem problemas, mas não deixe de molho. Não é indicado o uso de cloro puro, pois ele pode manchar o piso.

 

Água em abundância

Dado o hábito de se lavar os ambientes com água corrente ou em baldes, comum em outros tipos de revestimento, criou-se a dúvida se os vinílicos também podem ser lavados sem risco de danificar os produtos.

 

Os modelos colados podem ser lavados, mas evite deixar água empoçada sobre eles por muito tempo. O excesso de umidade ou acúmulo de água pode provocar o descolamento das placas e réguas ao longo do tempo.

 

Por esse motivo, a instalação de vinílicos não é recomendada em áreas constantemente molhadas, como os banheiros com chuveiro. Atenção: os pisos vinílicos clicados nunca podem ser lavados.

 

Se você acabou de instalar um piso vinílico colado, é preciso aguardar sete dias após o término da instalação antes de realizar a primeira limpeza do piso, respeitando assim o tempo de cura do adesivo.

 

Não seguir o passo a passo da limpeza

Para limpar um piso vinílico diariamente, você vai precisar de um pouco de água, detergente neutro e panos limpos e secos. O passo a passo é:

 

1 - Remover todo tipo de sujeira do piso, como areia e poeira. Você pode fazer isso usando uma vassoura de pelo ou mop-pó;

 

2 - Aplicar em todo o piso uma solução de detergente neutro com água, usando mop-água ou limpadora industrial de baixa rotação. Utilize o mínimo possível de água;

 

3 - Enxaguar usando um rodo ou mop-água e secar com um pano limpo;

 

4 - Esperar alguns minutos até a secagem total e o piso estará liberado para uso.

 

A sequência parece óbvia, mas muitas pessoas interrompem o processo após o segundo passo ou simplesmente se esquecem de fazer o primeiro antes de começar a limpeza de fato.

 

Além de deixar seu piso mais bonito, a limpeza periódica aumenta a vida útil, a resistência e a durabilidade dele, além de reduzir os custos de conservação. Assim você pode curtir seu piso por muito mais tempo!

 

 

Tarkett

www.tarkett.com.br

0800 011 9122

 


Postagens mais visitadas deste blog

Dia dos Pais: tênis da Marvel Comics para adultos e crianças

MODA: Mariana Rios solta a voz em evento da Colcci

MODA: Paloma Bernardi na campanha de Verão 2015 da Max Glamm