DESTAQUE

GASTRONOMIA: Cerveja Blumenau é eleita a Cervejaria do Ano no Brasil Beer Cup com 23 medalhas

Imagem
Foram seis ouros, 13 pratas e quatro bronzes. Cerimônia aconteceu na noite de sexta-feira (26) A Cerveja Blumenau é a Cervejaria do Ano na categoria grande porte no Brasil Beer Cup 2021. A divulgação do resultado do concurso aconteceu na noite de sexta-feira (26), em Florianópolis (SC). A marca conquistou 23 medalhas, sendo seis de ouro, 13 de prata e quatro de bronze.   As três linhas de produto foram premiadas. Na Mestres do Tempo, que celebra bebidas maturadas em barris na adega da cervejaria, foram nove medalhas, sendo três de ouro: Mestres do Tempo Lambic #1 (no estilo Belgian-Style Lambic), Mestres do Tempo Gueuze #1 (no estilo Belgian-Style Gueuze) e Mestres do Tempo Maracujá Negro (no estilo Mixed-Culture Brett Beer).  A Macuca Imperial Stout levou o ouro no estilo British-Style Imperial Stout e teve quatro edições especiais também premiadas: prata com Tropicalente (no estilo Chilli Pepper Beer) e Pé-de-Moleque (no estilo Field Beer) e bronze com a Bala de Coco (no es

DECORAÇÃO: Cama do centro do quarto é tendência

A cama centralizada é uma tendência que desponta no décor de quartos. Uma forma moderna de utilizar esse móvel que garante mais espaço. Profissionais mostram, na prática, como esse recurso pode ser charmoso e interessante. Projeto de Analu Guimarães: A cama disposta de forma centralizada no quarto confere fluidez e estimula a circulação no espaço. Foto: Fabio Cançado

A cama costuma ser a protagonista do quarto. A escolha do móvel ideal, além de trazer mais conforto para seus usuários, traz um toque especial na decoração. A disposição desse elemento também é importante, pois pode melhorar a circulação no espaço e ainda criar composições originais. Na mostra Morar Mais Por Menos 2014, alguns profissionais experimentaram a cama no centro do quarto e obtiveram um resultado interessante e criativo.

É o caso da designer e artista plástica Analu Guimarães, do escritório Na Lupa Design. Ela apostou nesse recurso em seu ambiente, o Quarto da Filha, e conta o motivo da escolha: “Para uma mostra, a cama no centro do quarto permite que o visitante circunde todo o espaço e veja cada detalhe. Além disso, há o ganho das paredes livres para fácil acesso à uma janela ou liberdade de uso para novas funções”.

Quem também lançou mão dessa tendência foi o designer Marco Dias Reis. O profissional mostra ao público que dá para usar a cama centralizada também em ambientes pequenos. O Quarto do Casal, como é denominado seu espaço na mostra, traz soluções para quem precisa aproveitar todos os cantos do quarto. “Os espaços estão cada vez mais reduzidos e quando você move a cama da parede, é um benefício enorme”, ressalta Marco.

Projeto de Marco Dias Reis: como a cama centralizada dispensa os criados, o profissional desenhou uma bancada especial para acompanhar a lateral da cama. Foto: Kleber Schimidt

Para quem gostou dessa forma de dispor a cama no dormitório, é preciso ficar atento a alguns cuidados para um bom resultado. “Se o ambiente for muito pequeno, a cama jamais poderá ter dimensões generosas. É preciso manter o equilíbrio”, alerta Marco. A circulação também requer atenção quando utiliza-se a cama no centro do ambiente. “Manter os acessos com pelo menos 60 centímetros de distância é fundamental para a movimentação dentro do quarto. Dessa forma, essa configuração potencializa o uso do espaço que pode até ganhar novas funções”, destaca Analu.

Quando a cama estiver centralizada é ideal que a cabeceira desse móvel seja diferenciada. O acabamento precisa ser bonito e criativo, pois será um dos primeiros itens visto por quem entra no espaço, devido a exposição do móvel.

Analu chama a atenção para outro elemento. “É preciso pensar como serão os apoios laterais da cama, uma vez que os criados geralmente deixam de existir nessa configuração e novas estruturas fazem esse papel. Uma bancada que circunda a cama ou nichos laterais na estrutura da cabeceira são boas opções”, ensina a profissional.