DESIGN: uma breve história da moda.


 “Ler livros. Isso é o que traz elegância ao vestir. A roupa cai melhor nas pessoas empenhadas em ser inteligentes”.
Vivienne Westwood

Século XX - Anos 10

 Os anos 10 foram uma época marcada com ostentação e excesso. As saias amplas foram substituídas pela linha barril. Houve uma onda oriental, com cores fortes, drapeados suaves, saias afuniladas e muitos botões, sendo os enfeiteis favoritos da época.

 Essa época foi marcada pela valorização de mulheres maduras, dominantes, com busto volumoso e cinturas controladas por corseletes, formando uma silhueta em forma de "s". A Primeira Guerra Mundial (1914) teve muitos efeitos na moda, tendo provocado um corte em todos os movimentos artísticos. Tal como os escritores e os pintores, também muitos estilistas foram mobilizados ou alistaram-se voluntariamente. E mesmo que lhes tivesse sido possível  continuar com seu trabalho, a situação tensa e a escassez de material obrigavam a mudanças radicais. Na Alta-costura, no entanto, não se tomou em consideração a nova situação, e continuou a tentar criar-se moda, independentemente da situação política ou das condições econômicas. O vestuário masculino pouco se modificou, o que também se deve ao fato de a  maior parte dos homens usar uniforme, seja de livre vontade ou por obrigação.

 O vestuário feminino, porém, tornou-se ainda mais austero e funcional. Predominavam as silhuetas pouco volumosas e as saias tornavam-se um pouco mais curtas. Nos cortes de muitos casacos femininos, tanto curtos, como compridos, encontravam-se elementos do vestuário militar.

Postagens mais visitadas deste blog

Estilo Brasileiro, Zuzu Angel misturava seu estilo à temas regionais e folclóricos

Estilo Brasileiro, Vera Arruda desenvolvia um trabalho tipicamente brasileiro

Estilo Brasileiro, Valdemar Iódice desenvolve uma moda jovem imprimindo personalidade em sua grife