PESQUISA DE TENDÊNCIAS: seu conceito e importância.


 A seguir, serão apresentados conceitos envolvendo as tendências; a importância do marketing na pesquisa de tendências e o comportamento jovem, enfocando, principalmente, a contribuição dos coolhunters no contexto de uma sociedade complexa.

 Quando a palavra tendência é mencionada, automaticamente é relacionada com moda, diretamente ligada ao vestuário. Sabe-se que a moda é “muito mais do que o resultado de imitação e distinção entre os indivíduos. A moda é, antes de tudo, um fato social total que abrange todas as dimensões da sociedade – econômica, social, cultural – e todos os indivíduos, independentemente da raça, da crença, da classe social, do gênero, da idade”. Sendo assim, o tema tendências não se limita apenas à última roupa da moda, mas refere-se também, às tendências em celulares, tendências gastronômicas, tendências políticas, tendências culturais, entre outras.

 O vestuário proporciona o exercício da linguagem da moda e como toda linguagem, age no campo do imaginário, dos significantes, é parte integrante da cultura. Cada vestuário agregado ao corpo direciona o olhar e constrói uma visualidade específica ao corpo vestido.

 Moda não é roupa, é significante que articula as relações entre os sujeitos a partir da aparência, resultado histórico da valorização do individual e da modernidade. Desvincula-se do passado e da tradição, prestigiando o novo e moderno. As roupas são signos que carregam uma série de significados ligados à beleza, à juventude, à feminilidade ou masculinidade, à riqueza e distinção social, que possibilitam ao seu portador uma escolha diária de posicionamento na cultura.

 Tendência é a “palavra usada para classificar temas, usos e movimentos que serão abordados durante uma estação de moda”. No entanto, o termo passou por diversos usos e adaptações até como hoje em dia é adotada, sobretudo, pelo sistema de moda, como uma evolução necessária e sua imprevisibilidade. As tendências surgem “das idéias de progresso e evolução que Charles Darwin desenvolveu, Karl Marx aplicou à História e Auguste Comte reinterpretou para a teoria social, nos primórdios da sociologia”. A palavra está diretamente ligada a movimento, tendo o futuro como objetivo principal. Alguns autores relatam que uma tendência não pode ser analisada como algo que segue uma única direção, mas um conjunto de mudanças dentro de um sistema, sendo consideradas como um todo.

 Na indústria têxtil existe uma cadeia de processos, que vão desde as fibras e fiações até o consumidor final, e as tendências aparecem na ponta inicial desse ciclo. São feitas pesquisas em bureaux de style, onde se analisam quais cores e materiais estarão mais acessíveis tanto no mercado quanto na natureza.

 O tempo de pesquisa é variável em relação às cores, materiais e formas. Os especialistas, então, se reúnem e trocam informações para oferecer menos riscos de erro ao contratante. Outro serviço oferecido pelos bureaux de style é a previsão de tendências comportamentais, onde pesquisadores trabalham com profissionais em marketing de moda. Todas essas pesquisas são transformadas em produtos e consumidas pela sociedade. Assim, em palavras mais simples, pode-se dizer que tendência é o que comumente se considera aquilo que está na moda. Apesar de uma tendência ser uma tradução dos pesquisadores e criadores, tudo que é transformado em produtos de consumo de moda torna-se tendência. Portanto, é inevitável fazer parte desse sistema e aderir à determinada tendência. Até mesmo negar-se a fazer parte do todo significa seguir uma tendência da atualidade.

Postagens mais visitadas deste blog

Estilo Brasileiro, Zuzu Angel misturava seu estilo à temas regionais e folclóricos

Estilo Brasileiro, Vera Arruda desenvolvia um trabalho tipicamente brasileiro

Estilo Brasileiro, Valdemar Iódice desenvolve uma moda jovem imprimindo personalidade em sua grife