Rainha e Topper apostam em 10 artigos esportivos para praticar os esportes do momento

Imagem
Marcas do grupo BR Sports apostam em acessórios, bolas, vestuário e calçados confortáveis com preços democráticos. Fotos Divulgação   Bolas de b each volley da Rainha e de futebol da Topper estão entre as sugestões para esportes coletivos Atravessando os momentos de prática de modalidades esportivas, o estilo athleisure ganhou a preferência de diversos brasileiros que buscam conforto, praticidade e estilo em acessórios, vestuário e calçados.   Para contribuir com o bem-estar e incentivar o movimento no dia a dia, seja qual modalidade pretendida, as marcas Topper e Rainha – duas das mais tradicionais do país – apresentam uma seleção de 10 sugestões de artigos esportivos para quem é apaixonado por esportes, deseja iniciar alguma modalidade ou ainda atualizar o guarda-roupa com opções confortáveis.   A Topper tem como público-alvo jovens esportistas apaixonados por futebol e basquete. Na seleção de produtos, aposta em bolas de futevôlei e futebol de campo, luva de goleiro e

Grupo HOPE anuncia investimento de R$ 13 milhões com foco em crescimento e expansão para 2024

O montante será destinado, principalmente, à implementação de um projeto para aumentar o público endereçável da marca HOPE e testar novos modelos de loja que combinam HOPE e HOPE Resort em um único espaço. Foto: Divulgação
 

 


O Grupo HOPE, referência em moda íntima, beachwear e fitness, acaba de aprovar em seu conselho, para este ano, um investimento de R$13 milhões em diversas frentes dentro da companhia. A maior parte do aporte será destinado à implementação de um projeto que tem como objetivo aumentar o público endereçável da marca HOPE e à realização de testes de novos formatos de lojas que unem um mix de produtos HOPE e HOPE Resort, destinado, até então, à cidades com menos de 200 mil habitantes.

 

A iniciativa para ampliar o público endereçável da HOPE consiste em lançar novas linhas de produtos com preços mais acessíveis, com a mesma qualidade, design e conforto pelos quais a marca é reconhecida. As chamadas "coleções a preço de entrada" irão aumentar o mix de produtos e, consequentemente, expandir o público endereçável da HOPE. Com isso, estima-se que a marca dê um salto de crescimento entre 15% e 20% ainda neste ano. O faturamento deve aumentar em 50% após dois anos da estratégia completamente implementada.

 

Para suportar essa estratégia, a companhia está investindo na compra de novos maquinários e melhorias na estrutura fabril. Localizada em Maranguape, no Ceará, a fábrica do Grupo receberá novas máquinas que deverão comportar o aumento da produção de peças e auxiliar na otimização de processos produtivos. Para 2024, a expectativa é que sejam fabricados 8.5 milhões de itens HOPE e HOPE Resort, 21,5% a mais do que a média de produção dos anos anteriores. O Grupo vem investindo na qualificação de sua mão de obra, bem como no aumento de seu efetivo. A companhia contratou, desde o final do ano passado até fevereiro, 100 novas costureiras. A ideia é que, ao passo que os novos maquinários sejam adquiridos, o quadro de costureiras também cresça. Além disso, o Grupo também trabalhará na consolidação da linha masculina, lançada há dois anos, com novas propostas ainda mais competitivas, e almeja alcançar 8% do faturamento sell out.

 

"Toda essa reformulação de rota para ampliarmos nosso público endereçável será possível com a otimização de processos produtivos sem prejudicar a qualidade. Queremos que os produtos estejam em cada vez mais lugares e impactando o maior número de pessoas possível, para chegarmos a um crescimento de 18% neste ano. Além disso, esperamos aumentar nosso market share em 6 pontos percentuais em 5 anos, ou seja, com a estratégia implementada e rodando 100%", explica Sandra Chayo, sócia-diretora do Grupo HOPE.

 

Em relação às lojas Duo, mix de lingerie, praia e fitness, a ideia é que esse formato seja expandido para regiões maiores, com até 1 milhão de pessoas. Parte dos investimentos do ano serão dedicados a testes desse novo modelo, que serão realizados no primeiro semestre, com abertura de novas lojas próprias e franqueadas do Grupo. A empresa prevê atingir o número de 700 lojas em seus diversos formatos (HOPE, HOPE Resort e Duo), em cinco anos. Atualmente, o Grupo conta com 280 lojas em todo o país.

 

Já a HOPE Resort, marca de beachwear e fitness do grupo, após um dedicado trabalho de rebranding em 2023, tem a meta de lançar coleções maiores e ampliar o mix de produtos, que sejam coerentes com o novo posicionamento da marca, adotado no final do ano passado, com o objetivo de solidificar a sua identidade para além da chancela do Grupo HOPE. O HOPE Summer Resort, evento realizado em dezembro do último ano, trouxe visibilidade e reforçou ainda mais a comunicação que vem sendo abordada pela HR. A partir disso, a marca atingiu um crescimento de 63% em SSS - indicador de desempenho utilizado por redes varejistas para expressar o aumento ou queda de vendas em comparação a um período anterior - e projeta, em 2024, superar os 25%.

 

"Vamos seguir de forma consistente a nossa estratégia de construção de marca, avançar no fortalecimento das nossas estratégias comerciais com foco na produtividade das lojas e no aumento da venda, além da ampliação das nossas categorias de produtos", diz Sandra.

 


SIGA NAS REDES SOCIAIS:



PARA DIVULGAÇÃO CLIQUE E FALE COMIGO: @ORESUMODAMODA





VEJA TAMBÉM:

CURIOSIDADES: Viralizou! Conheça Rayssa Buq, fenômeno das redes sociais

Zanir Furtado apresenta preview da coleção Pantanal em almoço exclusivo

Na onda do tenniscore: cerveja oficial de Wimbledon, Stella Artois lança jaqueta exclusiva com a DOD Alfaiataria

Geová Rodrigues lança coleção cápsula em pop-up em São Paulo

Coleção 2Essential Pre-Summer

Inverno pede meia e muitas botas! Como compor um look seguindo as tendências da estação

Algumas dicas para aderir à tendência #TennisCore adotada por Thássia Naves e Zendaya

Bruna Linzmeyer nua em Gabriela

Arezzo&Co lança programa de influência e capacitação para vendedores e gerentes de todo o Brasil

Agenda ESG ganha destaque na moda com foco em governança, responsabilidade social e ambiental