Rainha e Topper apostam em 10 artigos esportivos para praticar os esportes do momento

Imagem
Marcas do grupo BR Sports apostam em acessórios, bolas, vestuário e calçados confortáveis com preços democráticos. Fotos Divulgação   Bolas de b each volley da Rainha e de futebol da Topper estão entre as sugestões para esportes coletivos Atravessando os momentos de prática de modalidades esportivas, o estilo athleisure ganhou a preferência de diversos brasileiros que buscam conforto, praticidade e estilo em acessórios, vestuário e calçados.   Para contribuir com o bem-estar e incentivar o movimento no dia a dia, seja qual modalidade pretendida, as marcas Topper e Rainha – duas das mais tradicionais do país – apresentam uma seleção de 10 sugestões de artigos esportivos para quem é apaixonado por esportes, deseja iniciar alguma modalidade ou ainda atualizar o guarda-roupa com opções confortáveis.   A Topper tem como público-alvo jovens esportistas apaixonados por futebol e basquete. Na seleção de produtos, aposta em bolas de futevôlei e futebol de campo, luva de goleiro e

ESPORTES: Ronaldo e Rivaldo se divertem com torcedores inusitados às vésperas de clássico com Argentina


Betfair localizou um torcedor argentino apaixonado pela Seleção Brasileira e um brasileiro fanático pela equipe da Argentina; conversa com ídolos brasileiros rendeu muita resenha e uma grande surpresa


A rivalidade centenária entre as seleções do Brasil e Argentina ganhará mais um capítulo no próximo dia 21, quando as equipes se encaram no estádio do Maracanã, pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2026. Durante a entrevista "Torcida Improvável", promovida pela Betfair, a marca reuniu um argentino fanático pelo futebol brasileiro e um brasileiro apaixonado pelo futebol argentino para contarem suas histórias e contou com os ídolos Ronaldo e Rivaldo, embaixadores da Betfair, supreendendo os torcedores e se reunindo à resenha pré clássico.



Quem são os torcedores dessa torcida improvável? 


José Mescias Cavalcante, morador da cidade de Mari, no interior da Paraíba, é fã incondicional do futebol argentino e de Lionel Messi, atual melhor jogador do mundo. Ele tem, inclusive, uma tatuagem do atacante argentino em seu ombro. 

Segundo o brasileiro, o amor pela equipe dos hermanos vem de muito tempo: "Desde a adolescência eu acompanhava a Argentina jogar. Era a época de Maradona e Batistuta. Sou torcedor da Argentina de coração, e do Messi sou fã número 1 aqui no Brasil!", comentou em entrevista à Betfair. "Torço pela Argentina em todas as categorias, não só na principal, não. Sou muito criticado, mas cada um tem seu direito de torcer. Vou ser Argentina pelo resto da minha vida", declarou Mescias.

Já Osvaldo Armiento, morador de Buenos Aires, é fã incondicional da Seleção Brasileira pentacampeã do mundo. O argentino, que sabe de cor o time brasileiro comandado por Zagallo na Copa de 1970, não esconde sua paixão pelo Brasil, seleção que acompanha desde 1969. "Amo a bola e não há ninguém melhor para tratar dela como os brasileiros. Em Copas do Mundo, não posso assistir com meus amigos argentinos, mas com o tempo me entenderam".

"A diferença entre o futebol argentino e brasileiro é simples: são estilos diferentes. O Brasil seria praia e a Argentina seria o cimento, aí está a diferença! Por exemplo, Ronaldo e Messi são dois fenômenos, mas são diferentes, e eu gosto mais do Ronaldo", disse o argentino Osvaldo. 


Grande surpresa aos fanáticos


Para tornar a experiência dos torcedores ainda mais inesquecível e colocar as paixões em xeque, a Betfair reuniu nada mais nada menos do que Rivaldo e Ronaldo, embaixadores da casa de apostas, para participar de um divertido bate-papo.

Os pentacampeões surpreenderam os torcedores ao entrarem de penetram na chamada de vídeo na qual os fãs estavam sendo entrevistados. "Esses dois caras são monstros. Rivaldo é quase conterrâneo meu - é de Pernambuco, e eu sou paraibano. O Ronaldo, meu Deus do céu, não tenho nem palavras", disse Mescias, emocionado. Já Osvaldo, argentino com jeitinho brasileiro, respondeu praticamente na sequência: "São dois dos maiores jogadores que vi. Ronaldo e Rivaldo Vítor Borba Ferreira (nome completo do meia)... Só existe uma palavra: Futebol. Um fenômeno do lado de outro fenômeno!"

Os embaixadores da Betfair conversaram com os torcedores improváveis sobre a Copa do Mundo ganha pela Seleção Brasileira em 2002, o que se tornou uma verdadeira resenha de futebol entre os quatro. Confira o vídeo completo no YouTube da Betfair.

Rivaldo quis saber se Mescias ficou triste com os dois gols de Ronaldo na final. "Eu sou argentino, sim, e fiquei muito triste com esse cara aí (risos)". Mas complementou elogiando o futebol de R9 e R10 em 2002. "Individualmente vocês dois foram brilhantes. Eu torço individualmente por cada um de vocês, pelo gesto que tiveram naquela Copa. Vocês são de outro patamar", disse o paraibano sobre os ídolos da seleção. 

Osvaldo falou bastante sobre os craques da história do Brasil e comparou os ídolos nacionais com jogadores históricos da Argentina. "O Brasil tem um futebol muito diferenciado, a Argentina não", afirmou.

Ronaldo tentou defender o futebol argentino, mas o torcedor apaixonado pela Seleção Canarinho foi em frente, argumentando que os embaixadores da Betfair e outros ídolos do Brasil são incomparáveis contra os argentinos. "Vocês dois em 2002, tinham uma seleção forte, Ronaldinho, Kaká… Não dá pra comparar. Batistuta não jogaria na seleção brasileira. Nem vou falar em Sócrates! O único argentino que poderia ter jogado pelo Brasil era o Maradona."


Desafio que vale sonhos


Rivaldo e Ronaldo apresentaram para os torcedores o grande desafio da "Torcida Improvável". "Em nome da Betfair, nós queremos propor esse desafio. Convidamos vocês para assistir ao jogo entre Brasil x Argentina no Maracanã, só que com uma condição", comentou o fenômeno.

A condição, explicou o embaixador da Betfair, é simples: "voltar às origens". O que significa que Mescias precisará vestir a camisa da Seleção Brasileira enquanto Osvaldo usará a camisa albiceleste da Seleção Argentina no próximo dia 21. 

"Meu medo é eu estar com a camisa da Seleção Brasileira e a Argentina fazer um gol e eu começar a vibrar", brincou o brasileiro. Já para Osvaldo, o problema é outro. "Eu nem tenho camisa da Argentina. Nunca me viram com uma!". Depois de muita conversa, os dois torcedores toparam enfrentar o desafio. 

Mas depois da brincadeira veio a emoção. Osvaldo afirmou: "Hoje é o dia mais feliz da minha vida. Falei de futebol com muita gente, mas nunca tive a oportunidade de falar com dois fenômenos como vocês". Para Mescias, a ficha ainda não tinha caído quando a chamada terminou - por coincidência o jogo Brasil x Argentina acontecerá no dia do seu aniversário, 21 de novembro. "Estou todo arrepiado. É o maior presente que já ganhei na vida", finalizou.



ACOMPANHE NAS REDES SOCIAIS !
ANUNCIE AQUI PARA FAZER PARTE DA MAIOR REDE DE DIVULGAÇÃO NA INTERNET.




VEJA TAMBÉM:

CURIOSIDADES: Viralizou! Conheça Rayssa Buq, fenômeno das redes sociais

Zanir Furtado apresenta preview da coleção Pantanal em almoço exclusivo

Na onda do tenniscore: cerveja oficial de Wimbledon, Stella Artois lança jaqueta exclusiva com a DOD Alfaiataria

Bruna Linzmeyer nua em Gabriela

Geová Rodrigues lança coleção cápsula em pop-up em São Paulo

Coleção 2Essential Pre-Summer

FuturePrint, Brother e Instituto Focus Têxtil firmam parceria para projeto de capacitação em design e estampas

Inverno pede meia e muitas botas! Como compor um look seguindo as tendências da estação

Chegou! Enjoei inaugura segunda loja física em São Paulo com curadoria especial de marcas e peças únicas a R$ 50

PUMA e KidSuper unem arte e basquete no novo MB.03 de LaMelo Ball