Rainha e Topper apostam em 10 artigos esportivos para praticar os esportes do momento

Imagem
Marcas do grupo BR Sports apostam em acessórios, bolas, vestuário e calçados confortáveis com preços democráticos. Fotos Divulgação   Bolas de b each volley da Rainha e de futebol da Topper estão entre as sugestões para esportes coletivos Atravessando os momentos de prática de modalidades esportivas, o estilo athleisure ganhou a preferência de diversos brasileiros que buscam conforto, praticidade e estilo em acessórios, vestuário e calçados.   Para contribuir com o bem-estar e incentivar o movimento no dia a dia, seja qual modalidade pretendida, as marcas Topper e Rainha – duas das mais tradicionais do país – apresentam uma seleção de 10 sugestões de artigos esportivos para quem é apaixonado por esportes, deseja iniciar alguma modalidade ou ainda atualizar o guarda-roupa com opções confortáveis.   A Topper tem como público-alvo jovens esportistas apaixonados por futebol e basquete. Na seleção de produtos, aposta em bolas de futevôlei e futebol de campo, luva de goleiro e

GASTRONOMIA: Vinho, 7 opções de até R$100 para experimentar no próximo inverno


Elementos naturais e detalhes da fabricação contribuem para o valor de um vinho, mas ainda é possível encontrar bons rótulos a preços acessíveis

 

O vinho é a bebida alcoólica mais consumida no frio. De acordo com a Organização Nacional da Vinha e do Vinho, as vendas da bebida aumentam em 20% durante as épocas mais frias.

Ainda que o vinho, ao contrário do que muitos podem pensar, não esquente o corpo efetivamente, o álcool proporciona uma sensação de calor. O tinto, por exemplo, combina muito bem com as comidas de inverno, que são quentes e costumam ser mais gordurosas. 

O problema é que o vinho ainda é visto como uma bebida "chique", de preços salgados, o que faz muita gente manter distância da bebida. A verdade é que existem diversas opções com valores amigáveis e muita qualidade.


O que determina o preço dos vinhos?


Três fatores principais são determinantes para o preço dos vinhos: barricas (pipas) de carvalho, tempo e terroir.


1 – Barricas de carvalho

Para que possam amadurecer, a maioria dos vinhos são colocados em barricas de carvalho – também chamadas de pipa.

Além de servir como armazenamento para o processo de envelhecimento, a madeira ajuda a imprimir sabor e expõe a bebida ao oxigênio, suavizando os taninos e deixando o corpo mais macio.

Isso influencia no valor final porque as barricas de carvalho não são baratas, visto que só é possível confeccionar duas unidades a partir de uma árvore de 80 anos.

Dois tipos são utilizados: o norte-americano e o francês. As pipas importadas da França custam o dobro do valor das que vêm dos Estados Unidos porque são as mais procuradas do mercado.


2 – Tempo

Muitos vinhos tintos atingem seu potencial apenas quando são envelhecidos. O tempo varia: alguns rótulos precisam só de alguns meses, enquanto outros ficam anos, às vezes décadas, em maturação.

A duração desse processo muda drasticamente o sabor, aroma e o corpo de um vinho porque a acidez e os taninos vão ficando mais leves, sem contar a interferência do recipiente em que é guardado.

Quanto mais antigo o vinho, maior é o seu preço – envelhecê-lo ocupa espaço, exige esforço e, naturalmente, custa dinheiro.


3 – Terroir

O conceito de terroir pode ser complexo de entender, mas de maneira bem resumida, é um grupo de componentes que contribuem para o estado final do vinho, seja de maneira positiva ou negativa. Dentre esses fatores, o clima e a localização são importantíssimos. 

Muitos produtores afirmam que os melhores vinhedos tendem a estar em regiões em que as vinhas têm certa dificuldade para produzir as uvas. Como consequência do trabalho, é natural que os vinhos sejam mais caros.


Como escolher vinhos bons e baratos?

Para escolher vinhos de qualidade e que tenham preços acessíveis, leia os rótulos com atenção para obter algumas informações:

  • Tipo de uva
  • Região de origem
  • Safra
  • Tempo de maturação

A degustação também fica mais rica de acordo com a harmonização e o gosto pessoal de cada um. Às vezes, é preciso experimentar diversos vinhos para saber qual deles agrada de verdade.


7 vinhos de até R$ 100 que merecem atenção


Por fim, confira 7 opções de vinhos com preços amigáveis, mas que não deixam a desejar na qualidade.


1 – Del Fin Del Mundo Reserva Cabernet Sauvignon

Fabricado na Patagônia, este tinto tem aroma de frutas maduras e de especiarias. Tem corpo macio, frutado e persistente.

A boa estrutura e elegância são provenientes da maturação em carvalho – 70% em pipas francesas e 30% em norte-americanas.

2 – Casa Silva Colección Carmenere

A uva carménère traz um vermelho intenso como o rubi ao vinho, casando perfeitamente com o aroma de cerejas, ameixas pretas e notas de especiarias. É saboroso, intenso, de acidez equilibrada e com taninos suaves e final longo.

Massas com cogumelo funghi, pizzas e queijo meia cura harmonizam perfeitamente.

3 – Masi Tupungato Passo Doble Malbec Corvina

O blend de uvas malbec e corvina dá origem a um vinho com aroma de frutas e ervas aromáticas. Na língua, o sabor de ameixas e frutas da floresta é predominante, mas a finalização elegante vem das cerejas.

Ótimo com carnes vermelhas (assadas ou grelhadas), queijos maduros e de gosto forte, preferencialmente duros.

4 – Yellow Tail Shiraz

Vindo diretamente da Austrália, o aroma deste vinho tem frutas vermelhas maduras, especiarias e notas de alcaçuz. É vibrante, frutado e com taninos bem destacados, mas ainda assim balanceados ao sabor.

Harmoniza com costela assada, mix de queijos e embutidos, bolinho de feijoada, empanada de carne, quibe recheado e talharim ao ragu de calabresa.

5 – Crios Cabernet Sauvignon

Conta com o aroma de ameixas maduras, cerejas frescas e notas de baunilha derivadas da madeira das barricas.

É perfeito para o inverno por causa da harmonia entre frutas vermelhas e toques apimentados, criando um vinho de grande complexidade.

Ideal para acompanhar receitas com carne bovina, suína, aves e coelho.

6 – Carmen Insigne Chardonnay

Vinhos brancos são muito associados ao verão e a primavera, mas também são os protagonistas de ótimas experiências no inverno.

O aroma deste rótulo é de melão, pêssego, pêra, creme de limão e avelã. A fermentação é feita em tanques de aço inox e barris de carvalho. É justamente a madeira que deixa a bebida apropriada para o frio, já que proporciona corpo e concentração.

O chardonnay deve ser servido em temperatura ambiente e harmonizado com peixes, frutos do mar e carne de porco sem gordura.

7 – Casillero Del Diablo Merlot

Produzido no Chile, este merlot conta com a presença de ameixas pretas maduras, amoras, especiarias e notas de baunilha. Tem taninos aveludados, corpo médio e final longo e persistente.


O acompanhamento ideal é atribuído às carnes vermelhas, massas com molhos ricos e queijos maturados. 

Quentão de vinho: bebida tradicional de festas juninas pode ser feita com vários desses rótulos

Vinhos mais baratos também são a matéria prima ideal para criar drinks que podem ser servidos em datas comemorativas, como as festas juninas. O quentão pode ser feito com vinho tinto ou suave misturado com frutas e especiarias. Um jeito muito saboroso de espantar o frio dessa época do ano. Veja como fazer:

 

Ingredientes:

 

  • 750 ml de vinho seco ou suave
  • 1½ litro de água
  • 300 gramas de açúcar
  • 1 colher de sopa de cravo 
  • 5 unidades de canela em pau
  • 1 limão ou laranja em rodelas
  • 1 pedaço pequeno de gengibre em rodelas

 

Como fazer:

 

Em uma panela grande, misture o vinho, a água e o açúcar, mexendo sem parar em fogo médio. Adicione os outros ingredientes e deixe fervendo por cerca de 10 minutos. Deixe esfriar e sirva!

 





VEJA TAMBÉM:

CURIOSIDADES: Viralizou! Conheça Rayssa Buq, fenômeno das redes sociais

Zanir Furtado apresenta preview da coleção Pantanal em almoço exclusivo

Na onda do tenniscore: cerveja oficial de Wimbledon, Stella Artois lança jaqueta exclusiva com a DOD Alfaiataria

Bruna Linzmeyer nua em Gabriela

Geová Rodrigues lança coleção cápsula em pop-up em São Paulo

Inverno pede meia e muitas botas! Como compor um look seguindo as tendências da estação

Coleção 2Essential Pre-Summer

FuturePrint, Brother e Instituto Focus Têxtil firmam parceria para projeto de capacitação em design e estampas

PUMA e KidSuper unem arte e basquete no novo MB.03 de LaMelo Ball

Youcom lança campanha de Dia dos Namorados com Larissa Manoela e Luísa Sonza