DESTAQUE

FAÇA PARTE DA MAIOR REDE DE DIVULGAÇÃO NA INTERNET

Imagem
Quer aparecer aqui na plataforma ? Divulgue seu negócio e apareça na mídia possibilitando aos consumidores conhecerem um pouco mais sobre  sua marca, produtos ou serviço. Conquiste novos clientes e impulsione seu potencial em poucos passos.  Anuncie os seus produtos para o maior e mais diverso público da internet ! CLIQUE AQUI e ANUNCIE GRÁTIS sua MARCA, PRODUTO OU SERVIÇO e apareça aqui no site numa publicação que inclui: Título + Texto + Imagem e se desejar, por APENAS R$ 49,00   incluímos  seu anúncio ou matéria permanente em vários outros sites da rede de divulgação e perfis nas redes sociais: SITE + FACEBOOK + INSTAGRAM + TWITTER CLIQUE AQUI NO LINK ! FAÇA PARTE DA MAIOR REDE DE DIVULGAÇÃO NA INTERNET e venha somar as forças das maiores marcas para seu negócio subir em outro nível no mundo online !

Para te ajudar a montar os melhores looks, consultora de imagem destaca o que deve bombar na moda


Levanta a mão quem passou a usar mais aquela blusinha surrada, mas muito confortável, durante a pandemia. Com o home office, as crianças em casa, as tarefas se multiplicando... o conforto se tornou peça-chave em qualquer área da vida. Inclusive, na moda. E aí, fica o questionamento: quais são as tendências para o pós-vacina, quando a vida voltar ao – novo – normal?


O avanço da vacinação contra a covid-19 tem enchido a gente de esperança. Com o retorno de diversas atividades presenciais, a especialista em consultoria de imagem Fernanda Gazal afirma que o comfy wear vai continuar em alta. “O comfy wear democratizou ainda mais as opções de vestimenta, principalmente para quem nunca se considerou muito fashionista”.


E é claro que, para trazer mais vida para esses looks, as peças confortáveis devem ganhar mais cores e detalhes. A dica, meninas, é usar e abusar de sapatos como mocassim, oxford, mule, saltos mais baixos e rasteiras com amarração. E vocês conhecem o chamado conceito hi-lo? Ele mescla peças casuais e sofisticadas no mesmo look. Eu adoro, é estilo puro. A Fernanda super indica. “Tenha pelo menos uma peça que seja mais sofisticada e elaborada, como blazers, jaqueta de couro, uma camisa ou blusa de tecido mais elegante. Alguns acessórios como correntes ou uma bolsa mais estruturada também ajudam”.


O que deve estampar as vitrines por aqui serão as calças mais amplas e confortáveis, tops mais ajustados e elaborados com mangas amplas, bermudas e peças de alfaiataria. Além disso, os vestidos com corte império e estética boho devem chamar atenção, como explica a especialista. “As novidades ficam por conta dos recortes e drapeados, trazendo um pouco de sensualidade mais simplificada para os looks como forma de escapismo, muito comum após períodos como o que estamos vivenciando”.


Cores em alta


Uma tendência para a moda pós-vacina é o dopamine dressing, que têm como objetivo o uso de peças que deixam as pessoas mais felizes. As cores devem acrescentar leveza e descontração ao dia a dia. E um segredinho, meninas: isso também abre brechas para explorar a nossa sensualidade no look. A consultora disse que “o cetim e a transparência têm sido a aposta da maioria das marcas para trazer um toque de sensualidade e glamour para os nossos looks do dia a dia. Eles podem ser combinados com jeans, cores claras e sapatos sem salto, inclusive com tênis”.


Contraste neutro x extravagante


Eu acho superinteressante brincar com combinações de peças mais neutras contrastadas com outras mais extravagantes. Fernanda Gazal faz um alerta de que a peça em destaque seja a primeira escolhida do look, que depois deve ser completada com peças mais básicas. “Alguns exemplos de combinação: uma blusa de paetês com uma calça lisa com amarração na cintura e um sneaker; um salto 15 cm com uma calça jeans reta, uma blusa lisa, no estilo moletom, e um colar de correntes para fechar com chave de ouro”.


Sabe o que é mais bacana quando falamos de moda na pandemia? Apesar das saídas de casa terem sido reduzidas, houve um aumento no consumo de roupas. Ao contrário do que a maioria das pessoas acreditavam, as vendas on-line dos artigos de moda durante a pandemia só perderam para os eletrônicos. Uma pesquisa realizada no início da pandemia pela Social Miner apontou que o acesso a sites de moda aumentou mais de 95% com tendência de crescimento. Fernanda destacou que a escolha das peças pedirá mais versatilidade e flexibilidade. “O dress code precisa democratizar ainda mais os looks, colocando em alta combinações mais casuais em ambientes que antes eram mais sociais”.


Por Gardênia Cavalcanti

Fonte: O Dia