DESTAQUE

GASTRONOMIA: Cerveja Blumenau é eleita a Cervejaria do Ano no Brasil Beer Cup com 23 medalhas

Imagem
Foram seis ouros, 13 pratas e quatro bronzes. Cerimônia aconteceu na noite de sexta-feira (26) A Cerveja Blumenau é a Cervejaria do Ano na categoria grande porte no Brasil Beer Cup 2021. A divulgação do resultado do concurso aconteceu na noite de sexta-feira (26), em Florianópolis (SC). A marca conquistou 23 medalhas, sendo seis de ouro, 13 de prata e quatro de bronze.   As três linhas de produto foram premiadas. Na Mestres do Tempo, que celebra bebidas maturadas em barris na adega da cervejaria, foram nove medalhas, sendo três de ouro: Mestres do Tempo Lambic #1 (no estilo Belgian-Style Lambic), Mestres do Tempo Gueuze #1 (no estilo Belgian-Style Gueuze) e Mestres do Tempo Maracujá Negro (no estilo Mixed-Culture Brett Beer).  A Macuca Imperial Stout levou o ouro no estilo British-Style Imperial Stout e teve quatro edições especiais também premiadas: prata com Tropicalente (no estilo Chilli Pepper Beer) e Pé-de-Moleque (no estilo Field Beer) e bronze com a Bala de Coco (no es

Novo jeito de consumir moda

Foto: Divulgação

Ao traçar uma linha do tempo recente, é possível visualizar uma clara mudança de hábito no consumo de moda e a internet foi uma das grandes responsáveis por democratizar o mundo fashion. Por meio de sites, blogs e celebridades, o consumidor é informado instantaneamente sobre as tendências. Em paralelo, as grifes estão criando várias coleções no ano para movimentar o consumo com novidades. Essas criações são o reflexo da exigência do consumidor, que busca peças diferentes e exclusivas. Pensando nessa evolução, surge no Brasil um novo jeito de consumir moda, onde o cliente escolhe o que vai ser produzido. “Atendemos quem gosta de moda, é informado e se encanta com o fato de ter o poder de escolher e ‘ditar’ moda”, comenta Bruno Amaro, do The Stylist (www.thestylist.com.br), que financia, seleciona e confecciona roupas e acessórios escolhidos por quem acessa o site. Todos os produtos passaram por uma curadoria especializada, que neste momento tem assinatura de Reinaldo Lourenço. “O Reinaldo aprova todas as peças expostas no The Stylist”, diz o empresário.

Ele ainda conta que os clientes querem a exclusividade de uma peça escolhida e confeccionada para ele, sem abrir mão da praticidade de comprar online. “É interessante notar a necessidade do cliente moderno em resgatar velhos hábitos sem perder a facilidade da tecnologia”. Bruno se refere ao costume de algumas décadas atrás em que as roupas eram feitas artesanalmente. Antigamente era natural escolher um tecido, o modelo e levar a uma costureira ou alfaiate. As pessoas vestiam peças exclusivas e cada um tinha seu próprio estilo.

Mas foi após a segunda guerra mundial que o crescimento econômico acelerou e o desenvolvimento das indústrias possibilitou a chegada do varejo, que se tornou uma das portas de inclusão social. O acesso à moda se tornou mais fácil e prático. Roupas prontas e com infinita variedade de modelos fizeram a cabeça dos consumidores que não estavam acostumados a essa rapidez. Desde então, as grandes magazines criam peças que atendem todas as classes e remontam as tendências com preços acessíveis.

O ideal de unir dois mundos deu vida ao The Stylist. O portal, que financia coleções de novos estilistas, atende às necessidades desse cliente globalizado, pois propicia essa experiência de compra diversificada. Dá a possibilidade ao consumidor de decidir o que é e será moda. ”É quase como ter a mesma sensação de mandar fazer uma roupa exclusiva como no passado, sem perder a facilidade dos dias atuais”. Ele ainda finaliza enfatizando que o consumo pela internet tende a crescer e se estabilizar nos próximos anos, já que são 80 milhões de usuários no Brasil aprendendo a comprar na rede. A própria história comprova a tendência natural do ser humano se adaptar as novas realidades e o mercado tem que seguir esse caminho.