IDADE MÉDIA: Povos Bárbaros


No ano de 476, a queda do Império Romano marca o término da Idade Antiga e o início da Idade Média. As invasões dos bárbaros ajudaram a causar o declínio. Habitantes do norte e leste da Europa, esses povos fugiam de regiões climáticas desfavoráveis, de frio intenso.
Em suas roupas, trabalhavam a lã, o linho e o algodão, criando túnicas curtas, às vezes de couro também. Usavam um manto de couro ou pele, presos por broches ou alfinetes; calções curtos denominados braies ou calças longas atadas por tecido, presas por um cinto através de passantes com uma função protetora contra atritos e frio, pois eram nômades e se locomoviam sobre animais.
As mulheres usavam uma túnica longa presa por broches e atadas por cintos, um xale também preso e por baixo uma camisa de linho com abertura frontal até o peito.
Cabelos longos, toucas, calçados fechados ou sandálias de couro para ambos os sexos.
No decorrer do tempo, devido o contato com culturas romana e bizantina, passaram a ter gosto por adornos e cores mais vistosas.



Comentários