BELEZA: Saiba como proteger a pele dos efeitos nocivos da exposição à luz azul dos eletrônicos

O uso excessivo de celular, computador e televisão durante o home office pode ocasionar marcas escurecidas no rosto e envelhecimento precoce

 

A pandemia da covid-19 mudou a vida de trabalhadores e estudantes. Com o isolamento social, os celulares, tablets, computadores, e até as televisões, passaram a ser ferramentas essenciais para a rotina em casa. Mas o excesso de exposição à luz azul artificial, emitida por diodos emissores (LEDs), é também prejudicial para a pele.

 

A médica dermatologista do Grupo Pierre Fabre, Ana Coutinho, explica como este tipo de radiação pode afetar a saúde e qual é a rotina de cuidados necessária para evitar o impacto no rosto. "Além do aparecimento de manchas, os dispositivos eletrônicos causam uma série de alterações na derme: aumento do estresse oxidativo com geração de radicais livres; disfunção das mitocôndrias celulares com menor oferta de energia (menos ATP) para a saúde das células e, inclusive, provocar morte celular, além da menor produção de colágeno tipo 1 e o fotoenvelhecimento precoce", destaca Coutinho.

 

A principal dica trazida por Coutinho é a importância do protetor solar em qualquer situação do dia a dia. O produto deve ser utilizado durante todo o período de trabalho, mesmo que não haja exposição ao sol, para proteger o rosto da luz emitida por lâmpadas e aparelhos eletrônicos. Filtros solares com FPS acima de 30 e pigmentos (presença de óxido de ferro) são os melhores no combate aos efeitos deletérios. O recomendado é a aplicação do produto 15 minutos antes da exposição, podendo ser reaplicado regularmente de 4 em 4 horas ou em períodos menores no caso de higiene facial e transpiração.

 

Segundo a especialista, estudos recentes mostram que a exposição de células da pele humana à luz azul, mesmo em um curto período de tempo, pode causar geração de espécies reativas de oxigênio (EROs) e apoptose (morte celular).

 

Para que possamos manter a pele protegida contra a emissão de raios naturais e artificias, a Darrow Laboratórios fez uma incrível seleção de itens coringas para o dia a dia. Confira abaixo:

 

Actine Ultra FPS 80

Produtos de higiene pessoal em cima    Descrição gerada automaticamente com confiança baixa

 

Pensado para peles oleosas, previne o aparecimento da acne, minimiza a aparência dos poros, controla a oleosidade por 14 horas trazendo um efeito matte e toque ultraleve. Ele chega em duas versões: sem cor e cor universal. É um produto hipoalergênico, sem perfumes e parabenos. O maior diferencial é alta proteção com o melhor custo-benefício do mercado. Sua composição conta com P-Refinyl, responsável pela redução da aparência dos poros, o Zinco que previne a acne e Rice Starch que melhora a textura geral da pele, já o efeito antioxidante é possível com a vitamina E + OTZ 10.

Preço sugerido: 40 ml - 64,99.

 

 

Actine Colors FPS 70

Possui um complexo de filtros que oferece amplo espectro de proteção solar contra os raios UVA/UVB, com pigmentos minerais que ajudam a proteger contra a luz visível e minimizar o dano causado pelos raios infravermelhos. Está disponível em três tons: CLARA, MORENA E MORENA MAIS.

Preço sugerido: 40g -- 69,90

 

 

 

Protetor Actine FPS 60

Sua fórmula oferece alta proteção solar com 10h de antioleosidade, além de ação antioxidante que previne contra a idade da pele e protege contra a luz visível, além de ser hipoalergênica, não comedogênica, sem óleo e livre de perfume e parabenos. Possui uma textura fluida e não oleosa que é absorvida pela pele. Está disponível em cor universal e sem cor.

Preço sugerido: 40g - 79,90.

 

SAC Darrow

0800 702 1037 | 0800 021 8150



Postagens mais visitadas deste blog

Dia dos Pais: tênis da Marvel Comics para adultos e crianças

MODA: Mariana Rios solta a voz em evento da Colcci

MODA: Paloma Bernardi na campanha de Verão 2015 da Max Glamm