DECORAÇÃO: C2 Arquitetos ajuda a contar a nova história do Boaz Cozinha e Bar

No centro histórico de Caxias do Sul, RS destaca-se o restaurante que une, através da arte, da gastronomia e do projeto arquitetônico, aquilo que o passado construiu de bonito e tudo que o presente tem de fôlego para produzir um futuro ainda melhor. É o Boaz Cozinha e Bar, casa que cresceu recentemente e mudou de endereço a fim de comportar o novo momento. Para isso, confiou novamente no trabalho da C2 Arquitetos na hora de pensar em como o espaço físico contaria essa história.

O Boaz é um restaurante inaugurado em 2018, com a assinatura do chef William Williges, participante da segunda temporada do programa Masterchef Profissionais, da Band. A proposta é um cardápio contemporâneo com sabores que vão do doce ao cítrico em pratos desconstruídos que prezam pela utilização integral dos alimentos e ingredientes regionais e sazonais. Além deles, também oferece cardápio variado de drinks que completam a experiência. O empreendimento está localizado no centro cultural Moinhos da Estação.


Essa proposta criativa, focada na mescla de conceitos contemporâneos com o resgate de uma gastronomia que valoriza o alimento natural, é narrada também a partir da arquitetura pela C2. Os trabalhos no espaço, original dos anos 1920, variaram entre o restauro, que deu o clima moderno, e o respeito ao patrimônio do centro histórico de Caxias do Sul. As intervenções se deram com a pintura, a instalação de mobiliários em tons claros, principalmente soltos, mas também com itens fixos, além da construção de uma cozinha aberta que permite ao cliente a experiência sempre interessante de observar a gastronomia tomando forma. O piso é de cimento alisado e o revestimento da parede dá destaque para os tijolos originais da casa junto ao concreto escolhido para permear a laje.

Para a arquiteta Cristina Mioranza, porém, o grande destaque fica por conta do mural pintado pelo artista local Gustavo Gomes, completando, junto da comida e da arquitetura, esse verdadeiro esquadrão pela boa experiência. Gustavo trouxe ao restaurante as formas difusas e ao mesmo concêntricas que são características estéticas de seu trabalho. As cores vibrantes, por sua vez, formam coro junto aos pratos na intenção de trazer o Brasil para dentro do restaurante. "A intervenção artística é algo bem forte no Boaz. E esse mural traz toda uma alegria, toda uma sofisticação que diferencia o restaurante dos demais", comenta. Convidar artistas para contribuir na personalidade do espaço já é uma característica antiga do Boaz: em 2018, Bruno Schilling realizou pintura no local.


Ao todo, o Boaz possui 200 m², mais a área externa. Cristina conta que o conceito por trás do projeto arquitetônico é dar destaque ao mezanino com bastante vegetação - que, inclusive, está presente em todos os espaços e deve ir ampliando sua presença integrada ao ambiente -, trabalhando ainda os espaços externos com toras para que os clientes possam aproveitar um almoço ao ar livre, curtindo o ambiente aconchegante que foi construído. "Era um lugar que estava vago, com um projeto anterior nosso. Fizemos uma reciclagem e trouxemos a personalidade do Boaz, fazendo a arquitetura conversar com a gastronomia que é saborosa", finaliza.



Crédito das imagens: Fábio Grisson




Se inscreva no meu canal do YouTube e siga 
@MarcosGomesBr no Instagram !


Postagens mais visitadas deste blog

Dia dos Pais: tênis da Marvel Comics para adultos e crianças

MODA: Mariana Rios solta a voz em evento da Colcci

MODA: Paloma Bernardi na campanha de Verão 2015 da Max Glamm