BELEZA: Peeling gengival deixa seu sorriso sem manchas

Da mesma forma que podemos deixar os dentes mais brancos, também podemos clarear a gengiva retirando aquela tonalidade escura e atingindo uma coloração rosada


O peeling gengival é um procedimento que permite clarear gengivas escuras, pela remoção cirúrgica das manchas de aspecto marrom acinzentado, comuns em pessoas de descendência negra ou asiática e também em fumantes. Estas manchas interferem diretamente na estética bucal e facial, principalmente naquelas pessoas que possuem um sorriso gengival, ou seja, que ao sorrir mostram mais a gengiva.

Segundo Dra Daniela Yano o procedimento cirúrgico de clareamento gengival é realizado sob efeito de anestesia local e demora no total, cerca de uma hora. Esta técnica consiste na remoção da melanina (proteína de cor marrom que pigmenta a pele) pela dermoabrasão, ou seja, uma descamação superficial da gengiva, capaz de remover estes pigmentos. Após este procedimento, ocorrerá a formação de um novo tecido epitelial, de coloração rosada e livre de manchas.

Esta nova camada da gengiva já pode ser vista em aproximadamente 72 horas e, em apenas 7 dias, atinge-se um resultado estético significativo. Após 15 dias, o paciente não apresenta mais nenhuma sensibilidade e o tecido está completamente restabelecido.

No peeling gengival, o pós operatório é simples, mas, como em todo procedimento cirúrgico, deve-se seguir corretamente algumas orientações para alcançar uma completa recuperação e atingir os resultados esperados. Além de fazer uso da medicação indicada (geralmente anti-inflamatórios e analgésicos), deve-se utilizar escovas dentais ultra-macias, com bochechos de enxaguante bucal com clorexidina. Não se deve fumar por 15 dias, além de não ingerir bebidas alcoólicas ou alimentos cítricos, quentes e de consistência mais dura. Como há uma "ferida" exposta na região, não se deve entrar em contato com secreção ou saliva de outras pessoas para evitar contágio.

O procedimento não é permanente, pois assim como o clareamento dental, o clareamento gengival também pode necessitar de retoques. Não há como prever a recidiva, mas em geral, após um período de 2 a 3 anos, há nova formação de melanina, levando a necessidade de repetir o procedimento.